NuDisco.jpg

Nu Disco a história

Nu Disco (também conhecido como New Disco ou Disco House) é um gênero musical surgido no início dos anos 2000, associado a um interesse renovado na Música Disco americana dos anos 70 e na música Euro Disco dos anos 80, com forte uso de sintetizador em uma instrumentação house. O gênero foi especialmente popular em meados dos anos 2000, e experimentou outro pequeno ressurgimento no início da década de 2010.

Atualmente existem várias cenas associadas ao termo Nu Disco, a primeira é caracterizada como House Music fundida com Disco, algumas vezes referida como Disco House. A segunda cena é musica balearica de influência discoteca, também conhecida como revival Balearic Beat ou Balearica.

CARACTERÍSTICAS

EDIÇÃO E REDIÇÃO DA DISCO

Uma versão modificada do master original, editada por DJs locais e da discoteca para ampliar e enfatizar os melhores e mais agradáveis elementos de dança. A edição de Todd Terje do hit "You Should Be Dancing" do Bee Gees faz exatamente isso, subestimando os riffs vocais datados em favor da condução de baixo, percussão animada e uma sensação geral de espaço. Muitos produtores de Nu Disco também são editores de disco e, muitas vezes, há um pouco de sobreposição entre os dois gêneros, já que muitas músicas de Nu Disco apresentam amostras de faixas clássicas de Disco. Também não é incomum que uma edição seja feita de uma faixa moderna. Notáveis modernos editores de Disco incluem Greg Wilson, Todd Terje, Dimitri From Paris, Joey Negro e Flying Mojito Bros.

RITMO DE BATERIA

Como o Nu Disco é um gênero de dança em primeiro lugar, os ritmos da bateria são uma parte essencial. Eles geralmente apresentam batidas com uma sensação orgânica e animada, com base nos sons de gravações clássicas de Disco de Chic, Sister Sledge e outros.

INSTRUMENTAÇÃO AO VIVO

Enquanto a produção moderna é abundante com sons sintetizados, muitos discos de Nu Disco são, na tradição da Disco, movidos por licks de guitarra e baixo. O guitarrista e compositor Nile Rodgers (Chic) trouxe os riffs para a frente do ritmo com Chic nos anos 1970 e novamente com Daft Punk em 2013. Outros exemplos modernos notáveis incluem "Baby I'm Yours", de Breakbot, e "Holding On", de Classixx.

SINTETIZADORES

Assim como em outros gêneros eletrônicos, os produtores de Nu Disco usam sintetizadores digitais e analógicos para criar linhas melódicas e harmônicas e adicionar ambiência e cor aos seus discos. Gigamesh usa um som fortemente sintetizado enquanto ainda mantém influências da velha escola em faixas como "Back To Life", e Poolside usa sintetizadores atmosféricos para complementar seus sons de bateria, baixo e guitarra em "Do You Believe".

ARRANJO

Ao contrário de seus precursores de Disco, o Nu Disco e o Disco House não são fórmulas de música essenciais para o Pop moderno. Em vez de seguir o modelo tradicional de versos e refrões, o Nu Disco tende a buscar seus primos eletrônicos, com seções repetitivas e mais prolongadas que se aproximam lentamente do refrão e recuam novamente. Caso contrário, linhas monótonas são trazidas á vida com o uso de filtros, amostras e outras mudanças sutis no som ou no ritmo ao longo do tempo, de maneira a fazer as pessoas quererem continuar dançando. "One More Time", do Daft Punk, é considerado um dos exemplos mais influentes da aplicação do "disco de filtro".